E ai mec, comofas (momento, Sheldon tamo junto)

Eu não sei a galera (como já diria o Justus), mas eu acredito que o mec tem que reavaliar as coisas ae sabe?

Como que uma pessoa vai enfiar um Marx da vida na cabeça de uma pessoa que nunca viu sociologia nem filosofia na vida? Por essas disciplinas em pleno ensino médio é praticamente um “tarde demais para isso” sabe?

Agora eu entendo porque o Sheldon no episódio que promete ensinar física a Penny inicia mil vezes a história da física antes de responder qualquer pergunta, não dá pra chegar no “eureka!” sem iniciação meow.

No meu ver, nem precisava de tanta matemática e português, o cidadão que não colabora pra aprender não vai aprender nem 3 nem 15 aulas determinada disciplina, devia haver uma distribuição e iniciação de todas as disciplinas a partir da 5ª série ou 6º ano no meu ver.

Mas enfim, ai o coitado que fez filosofia e sociologia (ou história né) vai lá e mastiga um milhão de vezes o conteúdo e vomita pros alunos, tipo, impossível, nem assim entra na cabeça da galera.

E é completamente compreensível, para tais conteúdos é necessária uma iniciação, e não assim chegar chegando né, como já diria aquela apresentadora do programa sexual do sbt que era um sarro (muito mais engraçado do que informativo) não é no AI QUE SUSTO que as pessoas vão conseguir aprender nada não, tem que ter todo um ritual de iniciação, e isso vale pra tudo na vida gente.

(vídeo do “ai que susto!” aqui)

Gente até noku precisa de ritual de iniciação, imagina no cérebro? Onde estão todos nossos conceitos, preconceitos, limitações, etc.

Tem algumas escolas que dão iniciação a química, física, filosofia e sociologia a partir da 5ª série, tá errado? Não, é o momento em que os alunos estão mais receptivos a novas idéias, no ensino médio acontece o efeito contrário sabe?

Tipo, quando você chega nos seus 15, 16, 17 anos você tá meio haters gonna hate geralmente é o momento em que as pessoas estão mais perdidas em estereótipos e querendo mostrar pra todos que são “legais”, na maioria das vezes é o momento em que o ser humano mais se perde do seu próprio eu interior, é quando justamente ele vai provar um pouquinho do amargo pra ser aceito em diversos grupos sociais e quando por fim, ele descobre que é tudo a mesma bosta e nada daquilo vale apena.

Se eles tivessem essas disciplinas desde cedo não iam perder tanto tempo levando tanto tapa não.

Saiu na Folha do Estado de SP, o Brasew é o único país (de idiotas) que avaliam alunos com tipo TODAS AS MATÉRIAS.

Isso é idiotice demais de uma vez só, nenhum ser humano (a não ser que ele seja um prodígio) é capaz de assimilar para valer tantas áreas de uma vez, todos nós temos uma tendência maior para um tipo específico de área, seja exatas, humanas, biológicas, tráfico de drogas enfim, você tem uma tendência mais forte para uma só, então devia ser avaliado pelo seu ponto forte não por TODOS sabe?

Mas o Brasil é uma grande contradição, onde um estado laico (que foi inspirado no positivismo francês, e iluminismo em por “Ordem e Progresso” na bandeira) tem um milhão de feriados católicos?

Tá, não são católicos mais, são comerciais, nada contra os feriados (pelo contrário né, ainda mais sendo funcionária pública cofcof), mas to apontando uma das grandes contradições do nosso país.

Nossa bandeira foi inspirada em positivismo, sabe o que é positivismo? Provavelmente não.

Nossa bandeira é praticamente uma bandeira de “ateus”, chocado agora? É isso que é positivismo, é como disse sabiamente um aluno no enem, ateu é aquele que acredita que não há nada para acreditar, só que nosso país é tão confundido em sua política com a religião e crenças que jamais teremos esse Ordem E Progresso realmente vigorando.

E você achando que a culpa da desordem e do regresso era dos políticos né?

Tá vendo a falta que fazem essas disciplinas? Se toda a galera tivesse filosofia e sociologia desde cedo iam saber muito sobre todas essas  idéias, inclusive positivismo, antes de dar tempo de criarem preconceitos.

Antes de odiar política, você tem que saber, a política quem faz, é você.

Anúncios

Um pensamento sobre “E ai mec, comofas (momento, Sheldon tamo junto)

  1. Só vim pra dizer que eu li, mas tô meio com preguiça meio sem tempo pra comentar mais. xD
    “Tá vendo a falta que fazem essas disciplinas” , se estudasse mais humanas não teria preguiça de comentar hauhauhau!

    Mas sabe que o designer Gui Bonsiepe, que foi entrevistado pela revista Design Simples, fala da importância de se compreender política e sociedade, e essas coisas se entendem na marra, “no susto”, o que não deveria ser. Pq todo ato de design, e eu acredito que tudo o que fazemos em sociedade e que influencia outras pessoas, nem que seja nossa mãe, tem haver com política, e é um grande engano pensar que “ninguém vai reparar”, que “tô fazendo por mim mesmo”, “isso não tem cunho político, social, ou ambiental”, e que nossos atos não terão consequência. Acredito, lembrando tb de um pensamento ocidental muito comum, que tudo o que a gente faz implica em algo, tudo influencia em algo no mundo, principalmente na sociedade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s